Conselho da Eletrobras aprova compra de 51% da Celg

26/08/2014 21:06

Controle acionário foi adquirido pelo preço de R$ 59,532 milhões

Fátima Laranjeira, do

Adriano Machado/Bloomberg

Linhas de transmissão da Eletrobras na Usina de Itaipu

Linhas de transmissão da Eletrobras: preço foi fixado pelas partes com base nos valores apurados em laudos de avaliação independentes

São Paulo - O Conselho de Administração da Eletrobras aprovou a proposta de aquisição do controle acionário da Celg Distribuição, mediante a aquisição de 51% das ações ordinárias desta empresa, pelo preço de R$ 59,532 milhões.

Segundo a Eletrobras, o preço foi fixado pelas partes com base nos valores apurados em laudos de avaliação independentes, elaborados por consultoras contratadas pela companhia e pelo Estado de Goiás, segundo o critério do valor presente líquido - VPL, com base nas informações contábeis das Demonstrações Financeiras referentes ao exercício de 2013.

A Eletrobras contratou a Deloitte Touche Tohmatsu Consultores para efetuar a due diligence e valuation da Celg Distribuição. O laudo da Deloitte Touche Tohmatsu Consultores demonstrou que o preço é inferior a 1,5 vezes o valor do Patrimônio Líquido avaliado a preço de mercado, informa a Eletrobras.

CLIQUE AQUI E TESTE SUA PLATAFORMA DE NEGOCIAÇÃO GRÁTIS.

Capitalização

A empresa informa ainda que a conclusão da operação está sujeita ao atendimento de condições dentre as quais a capitalização da Celg Distribuição, pela Celgpar, no valor de R$ 1,680 bilhão, mediante aumento de capital com emissão de novas ações ordinárias; a aprovação pela Assembleia Geral de Acionistas da Eletrobras; e aprovação pelo órgãos governamentais e regulatórios competentes;

A Celg Distribuição é a concessionária de distribuição e comercialização de energia elétrica responsável pelo atendimento de 237 municípios de Goiás - o que corresponde a mais de 98,7% do território goiano - e que atende 2,61 milhões de unidades consumidoras e abrange uma área de concessão de 336.871 quilômetros quadrados.

É uma subsidiária integral da Companhia Celg de Participações - Celgpar, sociedade de economia mista controlada pelo Estado de Goiás.

 

Últimas Notícias

Natura confirma negociação para compra da Avon via troca de ações

22/05/2019 17:13
Empresa ponderou que não há como garantir que vai concluir de fato a transação Avon: Natura confirmou a informações de que está negociando a compra da rival norte-americana (Brendan McDermid/Reuters) São Paulo – A Natura confirmou nesta quarta-feira informações da imprensa de que...

Bolsa sobe com negociação EUA-China e reforma da Previdência

09/01/2019 11:41
Às 10:04, o Ibovespa subia 0,13 por cento, a 92.148,68 pontos Por Reuters Bovespa: bolsa sobe (Paulo Whitaker/Reuters) São Paulo – A bolsa paulista começava a quarta-feira com o Ibovespa em alta, alinhada ao tom positivo no exterior, em meio a expectativas de que Estados...

J&F discute repactuar leniência e pode confessar insider trading

22/01/2018 18:51
J&F discute repactuar leniência e pode confessar insider trading Leniência do grupo, fechada no final de maio do ano passado, prevê o pagamento de uma multa recorde no valor de 10,3 bilhões de reais durante 25 anos. J&F: acordo de leniência ficou em xeque após os irmãos...

Caixa mais que dobra lucro no 3º tri, para R$ 2,17 bi, diz BC

30/11/2017 16:31
Caixa mais que dobra lucro no 3º tri, para R$ 2,17 bi, diz BC As despesas da Caixa com pessoal somaram R$ 5,59 bi entre julho e setembro, número praticamente em linha com o mesmo período do ano passado Por Aluisio Alves, da Reuters Caixa: a soma das receitas com tarifas e...

Excesso de liquidez pressiona grandes bancos brasileiros

30/11/2017 15:57
Os maiores bancos do Brasil têm tantos ativos de alta liquidez que estão tentando se livrar deles. Por Cristiane Lucchesi e Felipe Marques, da Bloomberg Pessoas passam por agência do Banco do Brasil, no Rio de Janeiro (Pilar Olivares/Reuters) Os maiores Bancos do...

Dívida de irmãos Batista dispara com negócio familiar

05/07/2017 18:26
Dívida de irmãos Batista dispara com negócio familiar Os irmãos que estão no epicentro do mais recente escândalo de corrupção do Brasil compraram as participações de suas três irmãs na J&F Investimentos Por Gerson Freitas Jr., Cristiane Lucchesi e Felipe Marques, da...

Gávea Investimentos negocia venda de fatia na Azul, dizem fontes

08/12/2016 10:57
Segundo fontes, a Gávea quer vender sua participação na Azul e os atuais acionistas devem comprar a fatia Por Fabiola Moura e Jessica Brice, da Bloomberg     Azul: participação da Gávea na empresa foi avaliada em R$ 212,5 milhões (Getty Images) A gestora de ativos brasileira Gávea...

Gol tem queda de 6,7% na oferta doméstica.

12/08/2016 10:57
  São Paulo - A Gol registrou queda de 6,7% na oferta doméstica em julho em comparação com o mesmo mês de 2015. A companhia justificou em comunicado que o dado "seguiu a tendência de adequação". Houve retração também no acumulado do ano até julho, de 6,4% comparativamente a...

Kroton aumenta oferta pela Estácio e se aproxima de fusão

02/07/2016 16:18
Ricardo Moraes/Reuters Estácio: se concretizado, o negócio com a Kroton é avaliado em R$ 5,5 bilhões Cátia Luz, do Estadão Conteúdo Fernanda Guimarães, do Estadão Conteúdo Gabriela Melo e Márcio Rodrigues, do Estadão Conteúdo São Paulo - Líder do ensino superior privado do...

Caixa precisará de injeção de até R$ 25 bi, dizem fontes

06/06/2016 23:40
Andrevruas/Wikimedia Commons Agência da Caixa: banco necessita de uma injeção de capital de até R$ 25 bilhões (US$ 7 bilhões), ou cerca de 2 por cento da arrecadação federal em 2015, segundo um analista Cristiane Lucchesi e Francisco Marcelino, da Bloomberg Em seu primeiro mês...
1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>